Referências

 

Bibliografia      Teses      Sites

 

Bibliografia

Bellofatto, L.; Bohl, N.; Casey, M.; Krill, M. & Dodge, B. (2001a). A Rubric for Evaluating WebQuests. Disponível em http://webquest.sdsu.edu/webquestrubric.html (consultado em 15.5. 2002).
Bellofatto, L.; Bohl, N.; Casey, M.; Krill, M. & Dodge, B.  (2001b). Creating a Rubric. Disponível em http://projects.edtech.sandi.net/staffdev/tpss99/rubrics/rubrics.html (consultado em 8.10.2002)

Carvalho, A. A. A. (2002). WebQuest: Desafio colaborativo para professores e para alunos. Elo, 10, 142-150.

Carvalho, A. A. A. (2003). WebQuest: Um desafio Para Professores. in Albano Estrela e Júlia Ferreira XII Colóquio da AIPELF/AFIRSE: A Formação de Professores à Luz da Investigação”. Lisboa: AFIRSE, vol. II, 732-740.

Carvalho, A. A. A. (2003). Portuguese Postgraduate Teachers’ Opinion about designing a WebQuest: a descriptive study. In David Lassner & Carmel McNaught (eds), Proceedings of ED-MEDIA 2003. Norfolk, VA: AACE,  2296-2303.

Carvalho, Ana Amélia Amorim (2005). WebQuests na formação inicial e contínua de professores. José Carlos Morgado & Mª Palmira Alves (orgs). Actas do Colóquio sobre Formação de professores: Mudanças educativas e curriculares… e os Educadores/Professores. Braga: CIED, Universidade do Minho, 93-113.


Carvalho, Ana Amélia Amorim (2006). Students' Reactions to the Integration of Weblogs and WebQuests in a Master Education Course. In V. Dagiene & R. Mittermeir (eds), Information Technologies at School – 2nd International Conference. Vilnius: Institute of Mathematics and Informatics, 246-252.

Cruz, S. & Carvalho, A. A. A. (2005). Uma Aventura na Web com Tutankhamon. In António Mendes, Isabel Pereira e Rogéro Costa (eds), Simpósio Internacional de Informática Educativa. Leiria: Escola Superior de Educação de Leiria, 201-206.

Dodge, B. (1995; 1997). Some Thoughts About WebQuests. Disponível em http://webquest.sdsu.edu/about_webquests.html (Rectificado em 07.02.2006)

Dodge, B. (1997). Building Blocks of a WebQuest.(versão antiga) Disponível em http://web.archive.org/web/20000817065629/edweb.sdsu.edu/people/bdodge/webquest/buildingblocks.html

Dodge, B. (1999). Building Blocks of a WebQuest. Disponível em http://projects.edtech.sandi.net/staffdev/buildingblocks/p-index.htm  (Rectificado em 07.02.2006).
Dodge, B. (1998). A Draft Rubric for Evaluating WebQuests. Disponível em http://edweb.sdsu.edu/webquest/webquestrubric.html (Consultado em 17.3.2002).
Dodge, B. (1999). WebQuest Taskonomy: A Taxonomy of Tasks.  Disponível em http://edweb.sdsu.edu/webquest/taskonomy.html  (Consultado em 17.3.2002).
Dodge, B. (1999). Process Checklist. Disponível em http://projects.edtech.sandi.net/staffdev/tpss99/processchecker.html
Dodge, B. (2001). FOCUS: Five Rules for Writing a Great WebQuest. Learning & Leading with Technology, May, 28 (8). Disponível em http://www.iste.org/LL/28/8/index.cfm (Consultado em 17.3.2002).
Fernandes, Mª I. M; Carmo, Mª M. B. e Maio, V.M.G. (2000). Aventuras em Formação: Construção de Webquests Disponível em http://www.ese.ips.pt/nonio/encontros/encontro2000/actas/pt/comunicacoes/c15/c15.htm  (Consultado em 17.3.2002).

Guimarães, D. & Carvalho, A. A. A. (2005). Aprender sobre Polinómios através da WebQuest. In Bento Silva & Leandro Almeida (coords), Actas do VIII Congresso Galaico-Português de Psicopedagogia. Braga: CIED, 709-724.

March, T. (1998). Why WebQuests? An Introduction. Disponível em http://www.ozline.com/webquests/intro.html (Consultado em 17.3.2002).
March, T. (1998). The WebQuest Design Process. Disponível em http://www.ozline.com/webquests/design.html (Consultado em 17.3.2002).
March, T. (1998). WebQuests for learning. Disponível em http://www.ozline.com/webquests/intro.html(Consultado em 17.3.2002).
March T. (1998). Readings and Training Materials. Disponível em http://edweb.sdsu.edu/webquest/materials.htm (Consultado em 17.3.2002).
March T. (1998). Working the web for education. Disponível em http://www.ozline.com/learning/theory.html  (Consultado em 17.3.2002).

Viseu, F. e Carvalho, A. A. A. (2003). Percepções de Alunos da Licenciatura em Ensino de Matemática sobre Concepção e Implementação de WebQuests. In Paulo Dias e Cândido Varela de Freitas (orgs), Actas da III Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação: Desafios'2003/Challenges' 2003. Braga: Centro de Competência Nónio Século XXI da Universidade do Minho, 509-519.

Yoder, M. (1999). The student WebQuest. Learning & Leading with Tecnology, vol26 (7). Disponível em http://www.iste.org/LL/26/7/ndex.cfm (Consultado em 17.3.2002).

 

Teses

Barros, Ana Cláudia Teixeira Crespo Magalhães (2006). Utilização dos Princípios da WebQuest na Leitura Extensiva em Língua Estrangeira: um estudo no 8º ano do Ensino Básico. Mestrado em Educação, na área de especialização de Tecnologia Educativa, IEP, Universidade de Minho.

Carvalho, Diogo Renato Couto  (2007). Utilizar a WebQuest como Forma de Comunicação: um estudo sobre a utilização da WebQuest para aprendizagem da Banda Desenhada através de um protótipo no 2º ciclo. Mestrado em Educação, área de especialização em Tecnologia Educativa, IEP, Universidade do Minho.

Costa, Isabel Maria de Sousa (2008). A WebQuest na aula de Matemática: Um Estudo de Caso com Alunos do 10º Ano de Escolaridade. Mestrado em Educação, na Área de Especialização em Tecnologia Educativa, IEP, Universidade do Minho.

Cruz, Ivete L. M. (2006). A WebQuest na sala de aula de Matemática: um estudo sobre a aprendizagem dos Lugares Geométricos por alunos do 8º ano. Dissertação de Mestrado em Educação, na área de especialização em Supervisão Pedagógica de Ensino de Matemática, IEP, Universidade do Minho.

Guimarães, Daniela E. S. (2005). A WebQuest no Ensino da Matemática: aprendizagem e reacções dos alunos do 8º ano de escolaridade. Tese de Mestrado em Educação, área de especialização em Tecnologia Educativa, IEP,  Universidade do Minho.

Lima, Maria Lurdes de Jesus de (2007). As WebQuests no Ensino/Aprendizagem: possibilidades/limitações na construção de uma nova gramática curricular. Tese de Doutoramento,  FPCE, Universidade do Porto.

Martins, Hugo Manuel Oliveira (2007). A WebQuest como Recurso para Aprender História: um estudo sobre significância histórica com alunos do 5º ano. Mestrado em Educação na Área de Especialização em Supervisão Pedagógica em Ensino de História, IEP, Universidade do Minho.

Xavier, Teresa de Jesus Salgueiro (2007), Análise de WebQuests dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico: um estudo exploratório na disciplina de Matemática. Mestrado em Educação, área de especialização em Tecnologia Educativa, IEP, Universidade do Minho.

 

Sites sobre WebQuests

Webquest: task design worksheet
Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular - exemplos de WebQuests
Centro de Competência Nónio da Universidade de Évora - Aventuras na Web
À bolina, na Escola Superior de Setúbal - Aventuras na Web [No menu, em Desafios: Actividades]

WebQuests na Universidade de São Paulo - muita informação sobre WQ

© Ana Amélia Amorim Carvalho

aac@ie.uminho.pt

http://webs.ie.uminho.pt/aac/webquest